Segurança pública na copa e nas olimpíadas de 2014 ( Segurança pública e Copa do Mundo 2014: oportunidades e desafios )

 

Pela primeira vez em nossa história, o Brasil receberá dois eventos esportivos de proporções globais, em 2014, 12 cidades receberão a Copa do Mundo de futebol, em 2016, o Rio de Janeiro receberá os Jogos Olímpicos. Estes eventos representam um desafio importante para muitos setores de nossa sociedade. Com relação à segurança pública, demandam ações sobre o enorme fluxo de pessoas que se movimentarão no país. Deve-se considerar que o desafio da segurança pública comporta enorme repercussão, qualquer erro maior pode prejudicar a imagem internacional do país.

Mais que discutir especificamente medidas de segurança em estádios ou em locais de jogos a série Segurança Pública e Copa do Mundo 2014: oportunidades e desafios propõe um amplo debate sobre a relação entre segurança e desenvolvimento, no contexto pelo qual o Brasil se torna ator global e atrai a atenção do mundo.

Os encontros abordarão o debate do processo de construção de cidades mais seguras até e durante os eventos; a preparação das forças de segurança; e medidas para sustentar este processo e seus avanços para muito além dos eventos, ou seja, identificar desafios, e da solução deles, oportunidades.

Segurança pública no Brasil é uma das grandes demandas populares, ao mesmo tempo um dos fatores que mais limitam o crescimento do turismo estrangeiro no país, e fator que prejudica sua imagem na comunidade internacional. O processo que viveremos nos próximos anos tem de servir não meramente para garantir ilhas de proteção para os turistas, mas um efetivo projeto de segurança.

O que estar se fazendo para melhorar ?

Os centros que serão reestruturados receberão 20 cursos presenciais para preparar a atuação durante a Copa. A Senasp também deverá ter um centro de capacitação, em virtude da atuação da Força Nacional de Segurança Pública. Os estados que não serão sedes de jogos da Copa também serão contemplados com vagas nos cursos de capacitação, uma vez que seus efetivos poderão ser mobilizados para atuarem na Força Nacional de Segurança Pública (FNSP).

A intenção do Ministério da Justiça, por meio da Senasp e da Secretaria Extraordinária de Segurança para Grandes Eventos (Sesge), é capacitar 53 mil policiais militares, civis, federais, rodoviários federais, bombeiros e outros profissionais de segurança pública para atuarem no Mundial e demais eventos que o Brasil sediará, como os Jogos Olímpicos, em 2016.

Ao todo, serão 40 cursos realizados entre 2012 e 2013. Os instrutores responsáveis pela formação serão profissionais com notório conhecimento nas áreas temáticas. No primeiro semestre de 2014, todos os capacitados passarão por atualização que vai conferir a Certificação Copa 2014.

Os convênios em 10 estados

Amazonas
Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do estado
Valor: R$ 2.801.907,30
Contrapartida: R$ 28.019,07

Bahia
Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do estado
Valor: R$ 4.134.907,51
Contrapartida: R$ 43.112,50

Ceará
Estruturar a Academia Estadual de Segurança Pública (AESP) do Ceará
Valor: R$ 3.268.571,42
Contrapartida: R$ 32.685,71

Distrito Federal
Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do DF
Valor: R$ 2.120.243,08
Contrapartida: R$ 27.210,40

Mato Grosso
Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública da Polícia Civil do MT
Valor: R$ 296.515,24
Contrapartida: R$ 2.965,15

Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública da PM do MT
Valor: R$ 814.395,58
Contrapartida: R$ 8.310,84

Minas Gerais
Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do estado
Valor: R$ 3.796.083,53
Contrapartida: R$ 75.921,67

Paraná
Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública da PM
Valor: R$ 1.778.280,71
Contrapartida: R$ 35.565,61

Estruturação de ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do Corpo de Bombeiros
Valor: R$ 1.141.680,54
Contrapartida R$ 22.833,61

Reestruturar ambientes didáticos na Escola Superior de Polícia Civil
Valor: R$ 569.019,50
Contrapartida: R$ 11.380,39

Pernambuco
Estruturar ambientes didáticos nos campi de ensino da Academia Integrada de Defesa Social de Pernambuco
Valores: R$ 4.529.947,13
Contrapartida: R$ 45.299,47

Rio de Janeiro
Estruturar ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do Rio de Janeiro
Valor: R$ 780.903,93
Contrapartida: R$ 15.789,24

Estruturar as unidades de ensino de segurança pública com ambientes adequados para a realização dos cursos de Especialistas e Multiplicadores nas temáticas designadas ao Rio de Janeiro no projeto de capacitação para a Copa.
Valores: R$ 2.545.403,89
Contrapartida: R$ 50.908,08

São Paulo
Estruturar ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do estado
Valor: R$ 1.981.581,78
Contrapartida: R$ 71.571,25

Estruturar ambientes didáticos nas unidades de ensino de segurança pública do Corpo de Bombeiros da PM
Valor: R$ 1.608.714,98
Contrapartida: R$ 34.438,41

Descrição: http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcTZBDWp-_rC0d6HTjD-98sSrvmYd1KwdNwrG5HW0X6XC8eBLzjXyw

Descrição: http://t3.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcRpNVbe2IjbSRsbS1oXj43Yb7D3J_ybOtjUFc6pOYk6Zriv2fIC9A

Descrição: http://t0.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSGuQTQWJ8dpzWkrKd_Evf_QoxvW82vA8s0NflSTZsaZsJSZ8i-

Descrição: http://t1.gstatic.com/images?q=tbn:ANd9GcSwAC_jDSHjYg2LChyjW-glTWihmSrIECPbHhlKKMmePTeNZnBr