Você conhece o Stellarium? Um aplicativo simulador planetário muito interessante, o qual possibilita o usuário de ver o universo a partir de qualquer localização. Lá é possível checar se existe algum planeta visível, as constelações presentes naquele momento ou apreciar outro astro. Seguem abaixo um tutorial retirado do site "Baixaki" (www.baixaki.com.br) e o link para download do Software (para instalar no Ubuntu, basta dar dois cliques. Caso contrário,siga os passos abaixo em negrito).

DOWNLOAD: http://migre.me/aLMTm

"Navegação

O Stellarium provê uma navegação suave e intuitiva em tempo real, com uma barra de ferramentas auto-explicativa, zoom poderoso para ver planetas e nebulas pelo telescópio virtual, modos de montagem equatorial e altazimutal, estrelas, planetas e nebulas clicáveis com informações, modo de projeção completo em 180º, interface de texto para usuários avançados e muitas outras.

Você possui ainda muitas opções de cidades para servirem de ponto de observação, dentre elas algumas brasileiras como São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Belém.

Controles Básicos

Desvende as constelações.Olhe ao redor simplesmente arrastando com o mouse ou movendo o cursor para os cantos da janela. Outra opção é usar as setas de direção do teclado. Você pode controlar o tempo (avançar, retroceder ou retornar ao presente) nos botões situados no canto direito inferior da tela ou pelas teclas J, K e L.

Há ainda uma interface de texto para usuários avançados, ideal para projeção em planetários pela praticidade. Use o botão esquerdo do mouse para selecionar um objeto, o direito para retirar a seleção e o botão do meio ou a barra de espaço para centralizar o objeto.

O zoom em planetas ou nebulosas é muito interessante, experimente! Ele é controlado pelas teclas Page Up e Page Down ou pelo scroll (rolagem) do mouse. Caso você precise de ajuda consulte o ícone correspondente ou aperte a tecla H. 

Dica:

Esse programa roda inicialmente em tela cheia, o que dificulta um pouco se quisermos fazer uma busca para obter, por exemplo, as coordenadas de uma determinada estrela. Uma opção é editar o arquivo de configuração do programa, localizado a partir do seu diretório principal em “.stellarium/config,ini” e mude no campo “fullscreen = true” por “fullscreen = false”.

Já que você está com o arquivo de configurações em mãos, se quiser se arriscar e mudar mais alguma configuração fique a vontade, não é difícil.

Instalação

A instalação deste aplicativo para a distribuição Ubuntu e suas derivadas, que possuem o instalador de pacotes GDebi, é muito simples. Basta dar um duplo-clique no pacote e a instalação começa.

Para as demais distribuições pode-se compilar o código-fonte. Para este procedimento, baixe o arquivo fonte e descompacte-o. Para descompactá-lo basta clicar com o botão direito, abrir com o compactador de arquivos e clicar em extrair. Agora entre pelo terminal na pasta criada:

$ cd stellarium-XXX

Para compilar o programa, o programa cmake deve estar instalado. Ele pode ser adquirido pela biblioteca cmake. Caso essa ou mais alguma dependência esteja faltando em seu computador e você possua o programa APT, instale as dependências necessárias com o comando:

$ sudo apt-get install nome_da_dependência 
Observe estrelas, planetas e cometas.


Agora compile o programa:

$ cmake .

$ make


Depois entre na pasta:

$ cd ./src/stellarium

Digite o comando abaixo para fazer a instalação e esteja pronto para desbravar o universo no conforto da sua casa.

$ sudo make install "